sábado, 24 de maio de 2008

Aos meus (303) amigos (do orkut)


Não tenho na vida 303 amigos. Nem se vivesse 303 anos. Não há 303 pessoas no mundo querendo me ver feliz. Também nem tantos desejam meu mal. Não sei o telefone desses 303 - talvez minha agenda carregue 30 deles, mas acredito que posso mesmo ligar para, quem sabe, três. Não há 303 pessoas por quem eu perderia o sono ou emprestaria o travesseiro. Não abraçaria apertado todas essas pessoas e não há nem três com os quais eu concordaria plenamente. Amigo é uma coisa. Conhecido, aluno, professor, vizinho, contato profissional, companhia pra festas, é outra.
No meu aniversário, não recebi 303 telefonemas. E nas vezes em que estive doente, claro que nem metade apareceu em casa. Sei que se eu evaporasse neste minuto, nas próximas seis décadas ainda nem todos estes teriam se dado conta. Talvez nem metade. Não sei o nome completo dos 303, nem o endereço, nem se são alérgicos a pimenta ou preferem o café sem açúcar. Não penso em 303 pessoas antes de dormir, nem me pergunto ao acordar se as 303 acordaram bem hoje.
Também não sobra tempo para estreitar os laços com tanta gente bacana! Ouvir aquele CD, ir ao teatro que ela apresentou, visitar o filho, recomendar um livro, aprender a receita do chá preferido, ligar no meio da tarde pra dizer 'oi'. Não emprestaria o casaco para 303 num dia de frio - por mais que a gente aprenda aquela coisa de 'fazer o bem....', nem atravessaria a festa inteira pra cumprimentar. Não há 303 pessoas no planeta que me fariam chorar de felicidade. Talvez trinta já tenham me feito chorar de decepção. Talvez três tenham me traído, ou muito mais. E claro que há quem eu gostaria de não encontrar ou nem mesmo ver nessa fotinha onde ficam os que chamam aqui 'amigos'. Nem metade me faria uma festa de despedida se eu partisse pro Alasca. E quem sabe há até quem contaria os minutos pra minha partida. Não sei quantos estão aqui apenas para espiar – porque uma parte eu já não lembro por que motivo chegaram.
Nem perto de 303 pessoas me buscariam em casa num dia chuvoso só porque eu já perdi as contas de quantas horas faz que estou chorando. Talvez nem trinta aqui percebam que choro em cadeira de teatro, poltrona de cinema e principalmente atrás de página de livro. Não saberia atribuir uma palavra que fosse a cada um dos 303. E sei que nem metade deles sabe que minha vida se move pelas paixões por palavra, música e dança de salão. Nem 30 destes um dia me tiraram pra dançar. E talvez com muito menos eu sentisse vontade de dividir esse momento, que pra mim é mágico, quase sagrado.
Não sei se a trinta algum dia proporcionei alguma coisa boa, positiva e eterna. Se disse algo que não vão esquecer. Se deixei uma marca. E não saberia dizer quantos, mas sei que passaria longe de 303, me fariam hoje acreditar se dissessem gratuitamente “eu amo você”. Não sei se trinta. E não importa se na verdade apenas três. O certo é que entre os 303 estão pessoas que me fizeram experimentar o limite da alegria, da decepção, da verdade, da tristeza, da traição, da lealdade e de tantas outras sensações e sentimentos que lhes fazem ser pedaços essenciais do que me forma. Pessoas que cruzaram meu caminho talvez só para fazer estragos, mas preciso deles para aprender a reconstruir. Mas também estão entre estes 303 as pessoas que estiveram do meu lado exatamente quando eu não sabia o que fazer. Ou que fazem o caminho mais prazeroso que a própria chegada.
Pessoas que as vezes preciso dizer que amo, pra que elas entendam que podíamos nunca ter passado próximos uns dos outros neste planeta, mas que é porque estão aqui que tenho o que agradecer todas as noites.
Deus, proteja os meus amigos.

2 comentários:

Bela Estremecida disse...

Pirei.. Perfeito demais...
O meu são 664. Imagina só...
Mas vc pode ter certeza que a que vos fala não é qualquer uma dos 303...
Preciso relfetir e escrever sobre isso... O problema é refletir, porque vem a decepção..
BEIJOO Brancaa

Bela Estremecida disse...

Pirei.. Perfeito demais...
O meu são 664. Imagina só...
Mas vc pode ter certeza que a que vos fala não é qualquer uma dos 303...
Preciso relfetir e escrever sobre isso... O problema é refletir, porque vem a decepção..
BEIJOO Brancaa